terça-feira, abril 10, 2007


Os amantes

Esta carta é representa o eterno dilema do Homem, entre o Vício e a Virtude. A indecisão justifica-se já que o desdenho mostra um génio alado que ameaça o vício com um dardo. Significa, portanto, necessidade de escolha ou a incapacidade de escolha.
Representa igualmente uma grande capacidade de apreciação das situações e a liberdade para optar.
O desenho mostra dois homens e uma mulher que aparentemente discutem.
Esta carta tem o número seis, aquele que representa a emotividade, a afectividade e a sensibilidade artística.


Um comentário:

ana maria costa disse...

Caro senhor Chucho procurei mail. não encontrei!
aqui lhe pergunto ou afirmo: gostaria de publicar os seus instrumentos de libertação literária, na minha humilde lista de poesia?

obrigado.