segunda-feira, agosto 02, 2010

O Farol de Portinax

Enquanto trabalhava no farol de Portinax o homem pensou que mais importantes que qualquer constituição ou complicado sistema político deveriam ser dois princípios base :
Primeiro, que nenhuma pessoa manipule, assedie, controle, espie ou explore outra pessoa contra sua vontade. Tudo se deve passar com relações contratuais voluntárias entre cidadãos informados e conscientes.
Segundo, a liberdade de expressão seria ser sagrada e mais do que isso, incentivada .


Nenhum comentário: